Aprovada lei que obriga agressores de mulheres a fazerem reabilitação

0
12
Texto segue para sanção presidencial
Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

O Senado aprovou, na tarde desta quarta (5), um projeto de lei (PL) que obriga os agressores de mulheres a frequentar centro de reabilitação e a ter acompanhamento psicossocial. A matéria foi aprovada na Câmara em novembro de 2018 e agora, com a aprovação no Senado, vai à sanção presidencial.

O acompanhamento poderá ser feito individualmente ou em grupos. O texto também determina que os agressores frequentem programas de recuperação e reeducação. Os dispositivos serão acrescentados à Lei Maria da Penha.

Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Comentários no Facebook