Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

O candidato democrata à Casa Branca Joe Biden, criticou como uma atitude “totalmente irresponsável“, o fato do presidente dos EUA Donald Trump ter revelado que toma hidroxicloroquina por oferecer um “nível” de segurança adicional na prevenção contra a COVID-19.

É como dizer que talvez se você injetar Clorox (água sanitária) em seu sangue, possa ser curado. Mas por favor! O que ele está querendo com essa atitude? Que diabos ele está fazendo? “, Disse Biden em conversa sobre segurança alimentar com o chef espanhol José Andrés.

O ex-vice-presidente de Barack Obama entre 2009 e 2017 estava preocupado com o fato de algumas pessoas seguirem o exemplo de Trump com a hidroxicloroquina: “O que você acha que as pessoas vão fazer? Você acha que elas não vão usar também?

Trump revelou na segunda-feira, que por algumas semanas, toma diariamente hidroxicloroquina e zinco como medida preventiva, algo que continuará fazendo apesar das críticas recebidas por ser “curioso“, disse ele, dos efeitos que isso possa ter.

Por mais de um mês, o presidente exalta as virtudes da hidroxicloroquina, um medicamento usado contra malária, lúpus ou artrite grave, que foi prescrito para muitos pacientes com COVID-19 em todo o mundo, mas que ainda não possuí um resultado cientifico comprovando a eficácia do medicamento.

As declarações feitas este mês por Trump em meio a casos que não param de crescer nos Estados Unidos, um país que na terça-feira atingiu 1.527.355 infecções e 91.845 mortes, de acordo com a contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

Biden criticou Trump não apenas por fazer uso da droga, mas também por não usar uma máscara em público, conforme recomendado pelas autoridades de saúde dos EUA.

Ele se recusou a assumir a responsabilidade”, disse Biden sobre o presidente, explicando que, no caso dele, ele não pode sair de casa (sem máscara) porque ele tem o Serviço Secreto e todo mundo está usando máscaras“.

Finalmente, o ex-vice-presidente reprovou as condições das fábricas de processamento de carne, que se tornaram importantes fontes de contágio do coronavírus e cuja abertura Trump ordenou para não comprometer o suprimento no país.

Seja gado bovino, porcos, eles estão se movendo cada vez mais rápido para aumentar os lucros“, disse Biden, denunciando que os trabalhadores “estão ficando doentes” e alegando que a prioridade é “protegê-los“.

Nenhuma vida de trabalhador vale a pena comprar um hambúrguer mais barato. Nada vale isso. E foi isso que aconteceu “, lamentou.

Com informações da EFE

Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Comentários no Facebook