Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Sindicalistas pedem aos candidatos à Presidência da Câmara a volta do auxílio emergencial no valor de R$ 600 durante a pandemia do novo coronavírus. Cinco projetos similares já estão na câmara dos Deputados em tramitação e aguardam aprovação.

Em 31 de zembro de 2020 terminou o estado de calamidade pública, o que também provocou o encerramento do auxílio emergencial. Uma chuva de projetos caíram na Câmara dos Deputados pedindo a prorrogação do auxílio emergencial. Um deles, é o Projeto de Lei 5509/20 do deputado Pompeo de Mattos (PDT-RS), que propõe a prorrogação do auxílio de R$ 600 até o final de março de 2021.

Tanto Baleia Rossi quanto Arthur Lira afirmam estar dispostos a arranjar uma solução para o fim da ajuda desde que regras fiscais, como o teto de gastos, sejam respeitadas. Uma opção seria ampliar o número de beneficiados ou aumentar o valor do Bolsa Família.

Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Comentários no Facebook