Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Os grandes personagens desta pandemia, o governador João Doria (PSDB) e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, trocaram acusações menos de meia hora após a aprovação pela Anvisa da autorização de uso de duas vacinas contra a Covid-19.

Patrocinador da Coronavac, do Instituto Butantan, Doria usou palavras em um tom duro contra o ministro e o presidente Jair Bolsonaro, acusando-os de terem desprezo pela vida. É clara a questão política entre Doria e o governo Federal e mais uma vez quem sai prejudicado é a população. O número de mortos e infectados cresce a cada dia, O Brasil já tem 209.868 mortes e 8.483.105 pessoas infectadas desde o início da pandemia no País.

Neste domingo, o Ministério da Saúde informou que foram registrados 33.040 novos casos e mais 551 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas. No total, segundo a pasta, são 8.488.099 pessoas infectadas e 208.847 óbitos. Os números são diferentes do compilado pelo consórcio de veículos de imprensa principalmente por causa do horário de coleta dos dados.

Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Comentários no Facebook