Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Cordeiro foi a terceira cidade percorrida, nesta segunda-feira (03/08), pelo governador Wilson Witzel durante a visita ao interior fluminense. No município da Região Serrana, Witzel vistoriou as obras do cinema que está sendo construído dentro do programa ‘Cinema da Cidade’. A ação, realizada através da parceria entre a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa e a Agência Nacional do Cinema (ANCINE), visa construir ou reformar salas de cinema em cinco municípios do interior do Rio de Janeiro.

Viemos a Cordeiro para consolidar o compromisso com a Cultura do Rio de Janeiro. Esta será a primeira entrega do projeto ‘Cinema na Cidade’ no Brasil, que está sendo feito em parceria entre o Governo do Estado e a Ancine. Isso vai permitir que os moradores da cidade e do entorno possam desfrutar de cultura e lazer próximo de casa – afirmou o governador.

As obras em Cordeiro foram retomadas em junho pela empresa responsável. O serviço, que já está com cerca de 30% executado, segue todas as medidas de saúde necessárias no período de pandemia da Covid-19. As cidades de São Pedro da Aldeia, São Fidélis, Miracema e Bom Jardim também serão beneficiadas e estão com seus processos de licitação em andamento. No total, o investimento, que já estava disponível antes da pandemia do novo coronavírus, será de mais de R$ 18,750 milhões, dos governos federal e estadual.

O cinema terá equipamentos de última geração e está sendo construído em um terreno que pertencia ao município de Cordeiro. Haverá duas salas – uma em 3D e outra em 2D. Essa é a missão da nossa pasta: levar as artes para onde não há opção no interior fluminense – disse a secretaria de Cultura e Economia Criativa, Danielle Barros.

O projeto

O Cinema da Cidade – que integra o Programa Cinema Perto de Você – vai levar complexos de exibição de filmes em municípios de pequeno e médio porte – entre 20 mil e 100 mil habitantes – que não contam com salas de cinema comerciais. Cada complexo exibidor terá duas salas com capacidade total para 168 lugares – em Bom Jardim, já existe uma sala para 300 pessoas. Com isso, o setor audiovisual também vai movimentar a economia local com previsão da geração de pelo menos 300 empregos diretos e indiretos, com uma plateia de 80 mil espectadores por ano.

Inauguração a escola de Ensino Cívico-Militar

Em Cordeiro, Witzel também participou da inauguração do CE 2º Tem. BM Sérgio Rodrigues da Silva, unidade voltada ao Ensino Cívico-Militar no estado. Os estudantes terão disciplinas da Base Nacional Comum Curricular, além de conhecimentos específicos do ensino cívico-militar.

A Secretaria de Educação abraçou este projeto como uma política pública. O Ensino Cívico-Militar é voltado para os jovens que têm uma vocação para a vida militar que podem, a partir de agora, começar este processo de aprendizagem. O currículo diferenciado também é outro destaque que os estudantes terão com o formato destas unidades. Nosso propósito é formar grupos de estudos e pesquisas para que estes alunos possam participar de competições nacionais e internacionais – finalizou Witzel.

O colégio recebeu este nome para homenagear o bombeiro que foi morto em serviço, em 2008, em Nova Friburgo. O Governo do Estado pretende inaugurar 100 colégios cívico-militares até o fim da gestão. Onze deles já foram entregues, além da capital, nas cidades de São Gonçalo, Rio Bonito, Areal, Carmo, Araruama, Miracema, Santo Antônio de Pádua, Três Rios e Resende.

Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.

Comentários no Facebook