Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Belford Roxo, município da Região Metropolitana, começou nesta terça-feira (5/5) a receber as primeiras cestas do Mutirão Humanitário. A expectativa é que 56 mil kits sejam entregues nos próximos dias às famílias da região. A distribuição acontece em 93 pontos espalhados pelos bairros.

Um dos locais escolhidos para entrega foi a Escola Municipal Sebastião Herculano de Matos. De acordo com a diretora da unidade, Eliete de Azevedo Pinto, com o fechamento das escolas por conta do isolamento, os professores estavam preocupados com a alimentação dos alunos.

Quase 90% das pessoas que estão recebendo as cestas do Governo do Estado aqui têm filhos matriculados nesta unidade. Muitos alunos fazem a única refeição do dia na escola e o grande medo era que a fome atingisse as crianças. Por isso, a cesta é imprescindível neste momento difícil  – ressaltou.

O pintor Gilbert de Almeida Ferraz, de 47 anos, ficou emocionado ao receber a cesta. Com a voz baixa e embargada, ele contou que estava passando dificuldade.

Agora estou feliz. Não tenho mais nada na geladeira. Só tinha um pão que comi antes de vir buscar essa cesta básica – disse ele, que vive com duas filhas adolescentes.

Com o marido deficiente, a dona de casa Maria Lúcia da Silva relatou que tem dificuldades de trabalhar fora e atualmente conta com a filha para garantir o sustento da família. Com a pandemia, a jovem ficou desemprega.

Estávamos preocupadas, mas, graças a Deus, o procedimento foi simples e rápido. Recebi o SMS com a data, horário e local. Consegui pegar minha cesta, que será fundamental nesse momento. Somos muitas pessoas com dificuldades – contou.

Voluntariado

A jovem Darlene Martins, de 23 anos, é uma das moradoras da região que se disponibilizou para trabalhar como voluntária no ponto. Ela contou que a emoção de ver as pessoas pegando as cestas foi a grande recompensa do trabalho.

É muito gratificante ver as pessoas saindo com suas cestas e cheias de esperança. Nessa luta contra o coronavírus, está sendo muito difícil para todo mundo, e a cesta vem em boa hora. O sentimento é de gratidão por poder, de algum modo, ajudar essas famílias – detalhou.

A ação já passou pelos municípios de Queimados, Itaboraí e Paracambi, na Região Metropolitana do Rio. 

Como retirar a cesta

O beneficiário recebe dois SMS: o primeiro informa o direito ao benefício; no segundo, a pessoa recebe um código com informações sobre a entrega, com data, hora e local para retirada do kit.

Toda a ação do Mutirão Humanitário é monitorada por um sistema de inteligência artificial, que mostra em tempo real quem abriu o SMS e aqueles que retiraram as cestas básicas.

Em Guapimirim, os moradores que tiverem direito a cesta básica já estão recebendo as mensagens. Na cidade, serão 7 mil kits distribuídos. A entrega começa amanhã (6/5), às 9h.

Para consultar quem tem direito ao benefício ou tirar qualquer dúvida, basta acessar o site https://mutiraohumanitario.com.br/

Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Comentários no Facebook