Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Foi anunciado nesta segunda-feira, 18, pela Federação Internacional de Handebal (IHF), a desistência da seleção em participar do Mundial de Handebal masculino que será realizado no Egito.

O motivo da desistência é um surto de coronavírus que atingiu a equipe africana e a deixou com apenas nove jogadores no time quando o regulamento exige que tenha 10 jogadores, no mínimo.

Quinze atletas do grupo cabo-verdiano viajaram para o Egito, porém quatro deles confirmaram positivo para o coronavírus ao chegar no país. Com 11 jogadores disponíveis, a seleção estreou com derrota por 34 a 27 para a Hungria. Em nova bateria de testes, antes do segundo jogo, contra a Alemanha, mais dois casos do novo coronavírus foram confirmados, o que impossibilitou a realização da partida, válida pelo Grupo A. Os alemães ganharam por W.O., o equivalente a uma vitória por 10 a 0.

Nos ajude a espalhar essa matéria entre seus amigos e grupos em que você participa.

Comentários no Facebook